HOMENAGEADA NO 2º MULHERES ETERNAS

IMG_6545.heic

Josephina Álvares de Azevedo - RJ

Josephina Álvares de Azevedo (1851-1913) passou sua vida entre as principais cidades brasileiras daquela época: Rio de Janeiro, Recife e São Paulo.

 

Escritora, jornalista, professora, poetisa, fundou o jornal ‘A Família’, editado entre os anos de 1888 e 1897 e escrito apenas por mulheres, que defendia a atenção à educação e emancipação feminina.

 

Seus textos eram dedicados à defesa do sufrágio feminino, alinhada à primeira onda feminista que agitava os países europeus e os Estados Unidos.

 

Os embates de Josephina com o governo republicano nascente são a chave de entrada para nossa incursão nos debates em defesa do voto feminino em fins do século XIX.